Business Intelligence e Marketing: saiba como é esse relacionamento

Durante muito tempo, as decisões tomadas pelas empresas eram baseadas no método de tentativas e erros, e por um período pareceu dar certo. O acúmulo de experiências vividas por líderes era o principal fator levado em conta para tomadas de decisão.

Com o avanço da tecnologia, em principal o acesso às informações, tornou a competitividade do mercado mais acirrada. A partir de então, a necessidade de ter escolhas inteligentes e precisas entrou na rotina diária das organizações.

Alguns departamentos, como o marketing, passaram a buscar cada vez mais dados, resultando em um império de dados sobre o seu mercado, clientes e concorrência. Entretanto, não era suficiente, era preciso saber como analisá-los de forma correta.

Foi a partir desse cenário que o Business Intelligence foi criado, dando o aporte necessário para coleta e gerenciamento dos dados de forma precisa.

Quer entender melhor como utilizar a ferramenta e como o marketing pode utilizá-lo? Continue a leitura desse artigo e saiba como se beneficiar com essa relação!

O que é Business Intelligence?

Antes de mais nada, precisamos entender realmente qual é o seu conceito. Quando falamos de Business Intelligence (BI), estamos falando nada mais que a inteligência de negócios. O processo é dado pela coleta, organização, análise e monitoramento de insights para auxiliar os gestores na tomada de decisão.

Em muitos lugares, o BI é tratado como uma ferramenta, mas ele é muito mais do que isso. Estamos falando de um conceito de processos aliado em um sistema de informação que visa obter escolhas mais estratégicas.

Para que você entenda definitivamente o BI, é preciso compreender seus três principais pilares:

  • coleta de dados: entende-se que toda informação relacionada a empresa é alguma informação de valor. Durante o processo, capta-se todos dados internos e externos, como mercado, concorrência e clientes;
  • organização e análise: por conceito, toda informação precisa estar disponível a qualquer momento. O banco de dados deve ser organizado e catalogado para facilitar a tomada de decisões;
  • ação e mensuração: por mais que os dados estejam captados e disponibilizados, isso não garantirá o sucesso. Após as ações tomadas, é mensurado e monitorado os resultados das decisões, gerando novos dados que alimentará o banco, independentemente de erros ou números insatisfatórios.

No marketing, o BI funciona da mesma forma, servindo de base para criação de campanhas mais bem estruturadas e com maiores chances de retorno positivo.

Qual a relação do BI com o Marketing?

Muitas empresas investem grandes quantias financeiras em processos falhos, produtos sem valor para seus consumidores, exorbitantes números de colaboradores e distanciamento dos seus clientes. Com o Business Intelligence, é possível não só corrigir essas falhas, como enxergar novas oportunidades.

No marketing não é diferente esse cenário. Infelizmente, muitas empresas acreditam que o departamento deve investir em ações inovadoras e criativas, mas sem um propósito específico.

O BI entra como uma revolução para o marketing, servindo como base para alcançar resultados prósperos e principalmente, fidelizando o cliente à marca.

Confira abaixo quais são os principais resultados existentes entre o marketing e o Business Intelligence.

Planejamento de campanhas

É praticamente impossível que alguma campanha de marketing seja realizada sem nenhum planejamento. Durante esse tipo de ação, quanto mais informação, melhor.

Quando o departamento de marketing utiliza as informações obtidas dentro do sistema de informação somado com BI, ele tem uma fonte maior para o planejamento da campanha, atingindo maiores públicos e tornando os resultados mais precisos.

Além disso, é possível mensurar os dados que uma campanha teve, dando a oportunidade de avaliar uma repetição dela futuramente ou não.

Identificação de Oportunidades

Uma das formas de manter a empresa forte na competitividade do mercado é sempre investir em inovação. O Business Intelligence é uma das principais formas de encontrar insights e a forma correta de investir em oportunidades.

Definição de conteúdo

Toda vez que você cria algum tipo de conteúdo, você está visando acertar o seu público-alvo. Com o Business Intelligence é possível avaliar qual conteúdo tem mais força para seu consumidor. Quando você acerta no conteúdo, a chance de converter o seu tráfego em vendas é muito maior. Por isso, o BI tem tanta força nas etapas de compra.

Além disso, o formato que você entrega conteúdo para seu cliente pode ser até interessante, mas talvez ele não esteja sendo tão efetivo devido ao meio que vem sendo usado.

Por exemplo, você pode estar utilizando o e-mail marketing e sua conversão é baixa. Por meio do BI, além de identificar essa falha, é possível testar novos meios para atingir o público, como: blogs, redes sociais e vídeos, por exemplo.

Análise de público-alvo

Quando uma ação de marketing é realizada, independentemente do que seja, sempre é voltada para seu público-alvo. Então, antes de realizar qualquer campanha, é preciso entender o comportamento do seu segmento e reconhecer o que ele realmente precisa.

Com o BI é possível analisar profundamente seu público, cruzando uma série de dados e tomando decisões específicas para atendê-lo.

Mensuração de Resultados

Ainda sobre campanhas de marketing, por mais que tenha sido feito todo o planejamento e identificação de oportunidades, pode ser que a campanha tenha algumas decisões que não foram tão acertadas.

Com o BI é possível avaliar os resultados em tempo real e modificá-las para que o cenário negativo seja convertido. Por isso, é importante sempre definir os indicadores de resultados da campanha antes da sua realização, para avaliá-los durante a realização e aplicar as melhorias.

Otimização de Processos

Além de todas as melhorias que o Business Intelligence entrega para as campanhas e os pontos relacionados à elas, é possível encontrar problemas técnicos nos processos da empresa.

O BI somado com o sistema de informação além de avaliar os fatores externos, encontra as oportunidades nos processos internos do marketing. Dessa forma, vale ressaltar a importância de acompanhar e revisar tempos, métodos e metodologias.

O BI tem forte impacto em diferentes atuações da empresa. Inseri-lo nas rotinas da empresa garante otimização do desempenho.

Como você pode perceber além de todas as melhorias de forma geral, Business Intelligence tem grande impacto no Marketing, não é mesmo? E você? Viu como você pode ser beneficiado com essa tecnologia? Então, conte para gente o que você achou dessa relação e quais resultados ela pode trazer para o marketing e toda sua empresa.

Comente no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

pt_BRPortuguese
pt_BRPortuguese